VERSTAPPEN: "Sou DURO nas DISPUTAS, mas JUSTO."
Por Sérgio Siverly em 01/11/2019, às 10h31

remove_red_eye  876
Max Verstappen respondeu aos comentários de Lewis Hamilton após o Grande Prêmio do México da semana passada.
Max Verstappen classificou os comentários de Lewis Hamilton - sobre ter que dar mais espaço para o holandês em disputas - como bobos, admitindo que é sim, um piloto duro, mas também leal. 🗣️“Acho que, na minha opinião, foi um comentário bobo de se fazer porque eu acredito que sou sempre duro na pista, mas também justo. Acho que não é certo, mas, claro, é fácil falar mal de alguém.” Disse o holandês nesta quinta-feira em Austin. 🗣️“Mas está tudo bem. É sempre positivo quando eles falam de você porque significa que você está na cabeça deles. Eu só foco na minha pilotagem e acho que isso é o bastante.”
🗣️“Eu não preciso ficar dando opiniões sobre outras pessoas numa conferência de imprensa porque, antes de mais nada, acho que é um pouco desrespeitoso também e eu prefiro lutar na pista que é o que amo fazer.” 🗣️“E claro, gosto de lutar duramente, mas no limite, caso contrário, se eles querem que eu permaneça atrás, é melhor ficar em casa. Você quer lutar com eles porque é por isso que estamos aqui, somos pilotos, somos a F1.” 🗣️“Acho que somos os melhores pilotos do mundo e lutamos por vitórias porque é por isso que vivemos.”
O piloto da Red Bull também admitiu que errou ao não diminuir a velocidade sob bandeiras amarelas no fim da classificação para o Grande Prêmio do México logo após o acidente de Valtteri Bottas. 🗣️“Eu não precisava porque já estava com a pole position. O que passou pela minha cabeça foi que não sabemos o que os outros caras estão fazendo, se eles estão melhorando e batendo a sua melhor volta.” 🗣️“Então, não vi a bandeira amarela, melhorei meu tempo, não precisava, mas olhando para trás, acho que na próxima vez, vou tirar o pé de qualquer maneira, mesmo se os outros melhorarem.”
🗣️“Tudo já passou, mas claro, no momento, não estamos na posição de lutar por poles em todas as corridas, então, estava aproveitando o momento.”

O menino que ficava em frente da TV com um prato fingindo ser um piloto de F1 nos anos 1990 e o cabeça de gasolina por trás do BOTECO F1.

Vídeos relacionados
Desenvolvido por
Contém Tecnologia