WILLIAMS explica CAUSAS para ABANDONOS na RÚSSIA
Por Sérgio Siverly em 06/10/2019, às 11h41

remove_red_eye  1738
Time de Grove passa por um momento muito melancólico e parece que o fundo do poço nunca chega.
A Williams trouxe mais detalhes sobre os motivos que levaram o time a retirar, deliberadamente, o carro de Robert Kubica da corrida em Sóchi, ligando a decisão ao acidente de George Russell duas voltas antes. 🗣“Encontramos um problema com a porca da roda no carro do George, o que levou a dianteira direita a perder simetria. Isso causou uma travada sob frenagem, mas o design é muito maduro e já passou por vários testes.” Disse o engenheiro-chefe da Williams, Dave Robson, para a Autosport. 🗣“A peça será inspecionada e não esperamos uma repetição da falha.”
A retirada do carro de Kubica do GP da Rússia não caiu bem com o piloto, nem com seu patrocinador, a PKN Orlen, que ameaçou processar a Williams por quebra de contrato. 🗣“Infelizmente, fomos forçados a tirar o carro do Robert devido ao excesso de avarias que tivemos contando com Singapura e Rússia, duas corridas seguidas, pois precisávamos nos proteger para os próximos eventos.” 🗣“O time tem trabalhado extremamente pesado para garantir que não teremos problemas no Japão e demais corridas.” https://youtu.be/2iybTjO2FzE

O menino que ficava em frente da TV com um prato fingindo ser um piloto de F1 nos anos 1990 e o cabeça de gasolina por trás do BOTECO F1.

Vídeos relacionados
Desenvolvido por
Contém Tecnologia