MERCEDES teve LUCRO na FÓRMULA 1 em 2018
Por Sérgio Siverly em 05/10/2019, às 15h40

remove_red_eye  1608
Equipe na categoria auxilia a marca Mercedes-Benz a ser uma das maiores do mundo.
Os títulos de 2018 da Mercedes produziram mais um ano lucrativo para a empresa na Fórmula 1™. A receita da Mercedes AMG F1, que incluem o patrocínio da Daimler AG, aumentou de £337.2m em 2017 para £338.4m em 2018. entretanto, os custos também subiram de £309.7m para £311.4m, deixando o time de Brackley com lucro de £13.3m com os impostos já descontados. A relativa estabilidade nas regras não interferiu tanto no departamento de pesquisa e desenvolvimento, mas a folha de pagamento subiu de £87.2m para £93.7m.
A contribuição da Daimler AG aumentou em £4m, indo para um total de £64.3m em 2018. Ao todo, a Mercedes tem um espetacular retorno de investimento na F1, que unido à visibilidade criada no esporte, gera uma consolidação da marca na categoria. 🗣“Em paralelo com o sucesso do time nas últimas temporadas, a marca Mercedes-Benz cresceu seu valor de $31.9 bilhões em 2013 para $48.6 bilhões em 2018, com a F1 dando uma importante contribuição para o status da marca que, atualmente, é a oitava mais valiosa no mundo.” Disse o porta-voz do time. Entretanto, rumores no paddock indicam que a empresa pode tirar o time da categoria e ficar apenas com o fornecimento de motores, como Julianne Cerasoli irá explicar no Drops da Ju do próximo domingo. https://youtu.be/HOTlBq5-e4s

O menino que ficava em frente da TV com um prato fingindo ser um piloto de F1 nos anos 1990 e o cabeça de gasolina por trás do BOTECO F1.

Vídeos relacionados
Desenvolvido por
Contém Tecnologia