F1 terá treinos livres obrigatórios para jovens pilotos em 2022
Ross Brawn confirmou que a categoria obrigará os times a darem oportunidade para jovens pilotos a partir do ano que vem.
Por Sérgio Siverly em 13/09, às 09h36

Ross Brawn, diretor esportivo da F1, confirmou que a categoria terá treinos especiais para pilotos jovens a partir do ano que vem.

🗣”Eles precisarão andar com um piloto jovem em um certo número de sextas-feiras, todos os times. Estamos sendo bem cuidadosos em como definimos um estreante”, disse Brawn ao site RaceFans.

Esse cuidado é, provavelmente, para evitar que os times coloquem pilotos unicamente pagantes nestas sextas-feiras, como já vimos acontecer no passado. Fernando Alonso, por exemplo, participou do Teste de Jovens Pilotos em Abu Dhabi no ano passado.



A ideia da categoria é dar mais oportunidade aos pilotos das categorias de base. Nyck de Vries, por exemplo, ganhou a F2 em 2019 e não teve nenhuma chance com um F1 depois do título. O piloto holandês partiu para a Fórmula E, onde foi campeão em 2021.

O atual líder da F2, Oscar Piastri, por exemplo, não deve ter nenhuma chance de guiar um F1 ainda em 2021.

BOTECO F1
Todos os direitos reservados
2022