McLAREN é o time que MAIS EVOLUIU em 2019
Por Sérgio Siverly em 06/08/2019, às 11h29

remove_red_eye  1454
Time de Woking teve uma virada incrível de desempenho nesta temporada.
A McLaren conseguiu mostrar a sua força novamente em Hungaroring sendo o time que mais evoluiu pela quinta vez em seis corridas em comparação com a mesma etapa em 2018. O time de Woking, também, foi o que mais evoluiu nesta primeira metade da temporada. O MCL34 foi, em média, 1.3s mais rápido em todas as pistas até agora. A Alfa Romeo e a Toro Rosso são as outras duas que conseguiram uma média de mais de 1 segundo de melhora. O único time que não melhorou foi a Williams que está um décimo mais lenta. Entretanto, a equipe tem mostrado uma certa evolução desde o começo do ano. Na Hungria, pela primeira vez em 2019, o carro não foi o mais lento, afinal, George Russell se classificou à frente das duas Racing Points.
Pela terceira corrida consecutiva, a Ferrari foi o time que menos evoluiu. É bom lembrar que a classificação do GP da Hungria de 2018 aconteceu embaixo de chuva e o terceiro treino livre foi usado para comparação. Confira a lista abaixo: 1°) McLaren: -2.408 2°) Alfa Romeo: -2.335 3°) Red Bull: -2.231 4°) Haas: -1.888 5°) Mercedes: -1.639 6°) Williams: -1.529 7°) Toro Rosso: -1.452 8°) Racing Point: -1.403 9°) Renault: -1.189 10°) Ferrari: -1.127 A atual configuração do Hungaroring foi usada pela primeira vez em 2003. Os carros atuais da F1 são cerca de 7 segundos por volta mais rápidos do que os daquele ano.

O menino que ficava em frente da TV com um prato fingindo ser um piloto de F1 nos anos 1990 e o cabeça de gasolina por trás do BOTECO F1.

Vídeos relacionados
Desenvolvido por
Contém Tecnologia