F1 pode ter 22 CORRIDAS em 2020
Por Sérgio Siverly em 05/08/2019, às 12h19

remove_red_eye  978
Com o investimento do governo no GP da Espanha, a categoria pode contar com 22 corridas no ano que vem.
A possibilidade do Grande Prêmio da Espanha permanecer no calendário da F1 para 2020 pode levar a próxima temporada a ter 22 corridas. O número pode gerar uma mudança na quantidade de unidades de potência usada pelas equipes. O governo catalão aprovou um plano de financiamento para estender o atual contrato do Circuit de Catalunya com a categoria por mais um ano. Enquanto o acordo foi assinado pela Espanha, ainda é necessário que a Liberty Media aprove a continuidade do evento em 2020. Os donos comerciais da F1 estão avaliando, ao lado dos times, se 22 corridas é viável em termos de custos. Entretanto, o número recorde de provas pode impactar nas regras da categoria com uma unidade de potência adicional elevando para quatro na temporada, o que geraria custos adicionais para as equipes.
🗣“Fomos perguntados e eu dei a minha opinião. Não tenho problemas, pois, logisticamente podemos nos acertar. Uma coisa importante é que precisamos manter o número de três motores porque se formos usar quatro não fará sentido financeiro para nós.” Disse o diretor da Haas, Guenther Steiner. 🗣“As montadoras que têm o maior poder sobre esta escolha. Se eles tiverem confiança de que os três motores aguentam, não vejo problemas em termos 22 corridas.”

O menino que ficava em frente da TV com um prato fingindo ser um piloto de F1 nos anos 1990 e o cabeça de gasolina por trás do BOTECO F1.

Vídeos relacionados
Desenvolvido por
Contém Tecnologia