F1 traça meta de combustível sustentável até 2026
Principal categoria do automobilismo investirá nos motores de combustão interna com combustíveis sustentáveis.
Por Sérgio Siverly em 13/11, às 09h42

A F1 reafirmou que usará combustível sustentável até 2026, enquanto mantém-se comprometida a permanecer com os motores híbridos por um longo-prazo.

Como parte de suas metas de ser carbono-zero até 2030, os chefes técnicos da categoria e da FIA criaram um grupo de trabalho para investigar como combinar as futuras tecnologias com combustíveis sustentáveis que podem levar a benefícios fora das pistas.

🗣”No topo de nossas prioridades estão a sustentabilidade e a construção de um caminho para o motor de combustão interna que alcance as metas ambientais de nossos parceiros automotivos e da sociedade”, comunicou a F1 na última quinta-feira.



🗣”Mesmo que nossos carros tenham uma pequena porcentagem de nossas emissões de carbono (0.7%), é importante que a parte mais visual de nosso esporte seja sustentável e que possa dar benefícios para o mundo real”.

O mercado automobilístico está no meio de uma mudança de paradigma que a F1 não pode ignorar. A mudança para a tecnologia elétrica já influenciou na saída da Honda da categoria no final do próximo ano.

Mesmo assim, os motores elétricos ainda enfrentam grandes problemas e dúvidas acerca de sua capacidade para viagens longas, potência e materiais poluentes, algo que a F1 acredita que pode ser endereçado pela manutenção dos motores de combustão interna através de mais tecnologia híbrida e combustíveis sustentáveis.

🗣”Acreditamos que com cerca de 1 bilhão dos 1.1 bilhão de veículos no mundo com motores de combustão interna, temos o potencial de liderar o caminho tecnológico para reduzir as emissões de carbono dos veículos a nível global”.

🗣”Também acreditamos que não existe uma solução única para a tecnologia de motores do futuro, mas um combustível sustentável para um motor híbrido será significativo para o esporte e para o setor automotivo”.

Sérgio Siverly
O menino que ficava em frente da TV com um prato fingindo ser um piloto de F1 nos anos 1990 e o cabeça de gasolina por trás do BOTECO F1.

BOTECO F1
Todos os direitos reservados
2020