HAMILTON faz HISTÓRIA e VENCE 92ª CORRIDA na F1
Lewis Hamilton tornou-se o maior vencedor da história da principal categoria do automobilismo mundial.
Por Sérgio Siverly em 25/10, às 12h03

Lewis Hamilton venceu o Grande Prêmio de Portugal e tornou-se o piloto com mais vitórias na história da Fórmula 1: 92.

O britânico chegou a perder a liderança num início complicado para as Mercedes, mas recuperou sua posição em poucas voltas e não perdeu mais. Valtteri Bottas foi o segundo colocado, seguido por Max Verstappen.

Charles Leclerc fez uma senhora corrida para terminar na quarta posição com o problemático carro da Ferrari. Pierre Gasly, novamente guiando incrivelmente bem, terminou a prova entre os cinco primeiros.



Carlos Sainz, que chegou a liderar a corrida nas primeiras voltas, terminou a prova na sexta posição, seguido por Sergio Pérez que fez uma senhora prova. O mexicano envolveu-se em um acidente com Max Verstappen na largada e caiu para a última posição logo na primeira volta, mas mesmo assim, voou em mais uma apresentação memorável para fechar em sétimo.

Esteban Ocon, que parou apenas na volta 54, foi o oitavo, seguido por Daniel Ricciardo, Sebastian e Kimi Raikkonen. Alex Albon foi o 12º em uma corrida para esquecer. O tailandês não teve ritmo competitivo em nenhum momento e chegou a tomar uma volta do companheiro de equipe, Max Verstappen. Para um piloto que está lutando para manter sua vaga, o resultado de hoje pode ser um divisor de águas para seu futuro na Red Bull.

Lando Norris foi o 13º, o piloto envolveu-se em um acidente com Lance Stroll e perdeu várias posições. Stroll foi punido em 5 segundos pelo lance (HAHAHA), mas abandonou a prova.

George Russell foi o 14º, seguido por Antonio Giovinazzi, Kevin Magnussen, Romain Grosjean, Nicholas Latifi e Daniil Kvyat.


Sérgio Siverly
O menino que ficava em frente da TV com um prato fingindo ser um piloto de F1 nos anos 1990 e o cabeça de gasolina por trás do BOTECO F1.

BOTECO F1
Todos os direitos reservados
2020