GP de PORTUGAL pode ser realizado sem PÚBLICO
Aumento no número de casos da Covid-19 no país podem impedir que a corrida tenha espectadores no circuito.
Por Sérgio Siverly em 17/10, às 09h37

O GP de Portugal pode acontecer sem a presença de público, mesmo com os ingressos já vendidos, devido ao aumento de casos da Covid-19 no país.

Também existe a possibilidade de o número de pessoas nas arquibancadas ser reduzido.

Os fãs da F1 em Portugal (Abraço para vocês!) já sabiam dessa possibilidade, pois em agosto, as autoridades portuguesas já haviam alertado que caso o número de infectados no país aumentasse, o evento poderia ser impactado.



A corrida da semana que vem seria a primeira do ano a ter o Paddock Club, a área dos ricaços da F1, onde eles podem acompanhar a corrida com todo o luxo disponível, uma espécie de primeira classe para quem está no autódromo.

A corrida acontecerá na região do Algarve e Graça Freitas, diretora da Direção Geral da Saúde, disse que a situação epidemiológica na região onde um evento é realizado poderá impactar seu futuro.

Portugal, um país com cerca de 10 milhões de pessoas, teve até hoje (17/10) 95.902 casos confirmados da doença, com 2.149 mortes. Apesar do baixo número em comparação com outros países, a linha de infecção está subindo nas últimas semanas, o que pode obrigar Portugal a tomar medidas mais fortes.

Sérgio Siverly
O menino que ficava em frente da TV com um prato fingindo ser um piloto de F1 nos anos 1990 e o cabeça de gasolina por trás do BOTECO F1.

BOTECO F1
Todos os direitos reservados
2020