OFICIAL: HONDA DEIXARÁ a F1 no FINAL de 2021
Montadora japonesa sairá da categoria após a temporada de 2021 para focar recursos em energia elétrica.
Por Sérgio Siverly em 02/10, às 08h58

A Honda anunciou que deixará a F1 no final de 2021, uma decisão que deixa a Red Bull e a AlphaTauri sem motores para 2022, além de baquear a categoria.

A montadora japonesa, logo após deixar a McLaren, conquistou quatro vitórias com a Red Bull e uma com a AlphaTauri. Entretanto, a mudança de paradigma no mercado automobilístico e a atual crise econômica levaram-na a deixar a F1.

A saída da montadora pode causar um efeito dominó que veria as equipes da Red Bull deixando a categoria, mas Christian Horner reforçou o compromisso da marca com a F1.



🗣”Como um time, nós entendemos o quão difícil tem sido para a Honda Motor Company chegar a esta decisão. A mudança no foco da indústria automotiva levou à Honda a focar os seus recursos e nós entendemos e respeitamos as razões por trás disso”.

🗣”Como fazemos parte do último acordo da Concórdia, continuamos com o esporte à longo prazo e estamos ansiosos para embarcar em uma nova era de inovação, desenvolvimento e sucesso”.

Horner disse ainda que a Red Bull está preparada e equipada para responder à saída da Honda com efetividade.



🗣”Como um grupo, pegaremos este tempo para avaliar e encontrar a solução mais competitiva para nossa unidade de potência para 2022 adiante”.

A saída da Honda é um golpe duro na F1 que agora terá apenas três fabricantes de motores: Mercedes, Ferrari e Renault.

Como o divórcio entre a montadora francesa e a Red Bull não foi amigável, é bem improvável que os dois voltem a ter um relacionamento, mas a Renault será a única fornecedora sem times clientes em 2021, já que a McLaren terá motores Mercedes à partir do ano que vem, o que pode levar a FIA a forçar a Renault a fornecer motores para a Red Bull, de acordo com as regras da entidade.

Aconteça o que acontecer, parece que a Red Bull terá que se virar nos 30 para conseguir uma unidade de potência competitiva.

Sérgio Siverly
O menino que ficava em frente da TV com um prato fingindo ser um piloto de F1 nos anos 1990 e o cabeça de gasolina por trás do BOTECO F1.

BOTECO F1
Todos os direitos reservados
2020