BOTTAS vence GP da RÚSSIA após PUNIÇÃO à HAMILTON
Finlandês aproveitou uma dupla punição ao líder do campeonato para levar o troféu russo para casa.
Por Sérgio Siverly em 27/09, às 10h06

Valtteri Bottas venceu o GP da Rússia de F1 após Lewis Hamilton ser punido no início da prova.

Pouco antes do início da corrida, a direção de prova informou que Lewis Hamilton seria investigado por praticar largada numa região não permitida. O piloto parou seu W11 do lado interno da saída do pit lane e perguntou para seu engenheiro, Peter Bonnington, se estava no local correto. Bono, como é conhecido, informou que Hamilton estava na região certa.

Na largada, Carlos Sainz Jr. tentou passar pela área designada para a volta à pista na curva 2, mas bateu no muro interno, abandonando a prova. Pouco mais à frente, na curva 4, foi a vez de Lance Stroll perder o controle de sua Racing Point e bater. O canadense foi tocado pela Ferrari de Charles Leclerc antes de seu acidente.



Dessa forma, tivemos um período de Safety Car para retirar os carros e detritos do circuito. Na volta 7, os comissários confirmaram que Lewis Hamilton seria punido com 10 segundos de acréscimo em seu tempo final por violar as regras tanto de saída do pit lane quanto do treino de largada.

Max Verstappen foi o segundo colocado com mais uma boa apresentação. Sergio Pérez foi outro piloto que mostrou bom desempenho mostrando seu valor para o paddock, já que está, no momento, sem carro para o ano que vem.

Daniel Ricciardo foi o quinto, mesmo depois de ser punido com 5 segundos após cortar a curva 2 numa ultrapassagem mal coordenada com Esteban Ocon. A Renault pediu para o francês deixar Ricciardo passar, após Ocon não conseguir ultrapassar Sebastian Vettel. O movimento parece ter sido feito sem muito cuidado, mas acabou não causando muitos problemas para o australiano.



Charles Leclerc foi o sexto com o carro ruim da Ferrari em mais uma boa apresentação do monegasco. Ocon foi o sétimo, seguido por Daniil Kvyat, Pierre Gasly e Alex Albon, que apesar de ser punido com 5 segundos por também cortar a curva 2, conseguiu pontuar, mas ainda muito atrás do companheiro de equipe.

A F1 volta daqui a duas semanas com a volta do circuito de Nurburgring na Alemanha.

Sérgio Siverly
O menino que ficava em frente da TV com um prato fingindo ser um piloto de F1 nos anos 1990 e o cabeça de gasolina por trás do BOTECO F1.

BOTECO F1
Todos os direitos reservados
2020