Hamilton acredita que FIA precisa usar momento para "que aquilo nunca mais aconteça com ninguém"
Lewis Hamilton falou pela primeira vez com a imprensa desde a última corrida da F1 no circuito de Yas Marina em 2021.
Por Sérgio Siverly em 19/02, às 10h29

Lewis Hamilton deu entrevista para a imprensa pela primeira vez desde a corrida final da temporada de 2021 nesta sexta-feira em Silverstone.

O heptacampeão disse que tirou o final de ano para recuperar as energias e deixou claro que não guarda nenhum sentimento ruim em relação ao campeão mundial do ano passado, Max Verstappen.

🗣”O que aconteceu não tem nada a ver com o Max. Ele fez tudo o que qualquer piloto faria com aquela oportunidade e ele é um grande competidor, não tenho problemas com ele ou qualquer outra pessoa”.



Sobre os acontecimentos do GP de Abu Dhabi, Hamilton disse que tirou tempo para digerir tudo.

🗣”No final de cada temporada, você pensa se terá a energia para o tempo e esforço que são precisos para disputar um título. Acho que muitas pessoas subestimam isso. Você pensa ‘Será que vou querer sacrificar tempo? Será que continuarei com a mesma força?’”

🗣”É sempre um momento que tenho, mas nesse ano, tivemos um fator significativo para isso. Mas eu amo e sempre amei esse esporte. Teve um momento em que eu perdi a confiança no sistema, mas eu sou uma pessoa muito determinada”.



🗣”Momentos como aquele podem definir carreiras, mas eu me recuso que a minha seja definida assim”.

🗣”Eu não assisti a corrida, mas os acontecimentos ficaram bastante na minha cabeça nas semanas seguintes. Eu não lembro o que eu disse para o Max. Tudo meio que sumiu. Eu não quero olhar para trás, quero olhar para frente”.

🗣"Não podemos mudar o que aconteceu no passado, mas é bom ver que a FIA está tomando decisões e é importante usarmos este momento para que aquilo nunca mais aconteça com ninguém neste esporte”.

BOTECO F1
Todos os direitos reservados
2022