GP da CHINA CORRE RISCO de SAIR do CALENDÁRIO
FIA monitora a situação da preocupante epidemia no país.
Por Sérgio Siverly em 30/01, às 19h10

A FIA confirmou que está monitorando a sensível situação da China com o coronavírus, já que o país tem data marcada para receber a F1 em abril.

A epidemia, acredita-se, começou na cidade de Wuhan, que está isolada. Os casos confirmados de transmissão do vírus no país aumentam a cada dia e já passam dos 7 mil.

O GP da categoria no país acontece na cidade de Jihading, próximo à Pequim.

🗣"Após a epidemia do coronavírus que começou na China no início deste ano, a FIA está monitorando a situação com as autoridades e clubes membros sob a direção do presidente da comissão técnica da entidade, professor Gérard Saillant."

🗣"A FIA irá avaliar o calendário e se necessário, tomará as medidas necessárias para proteger a comunidade do esporte."

As autoridades chinesas já cancelaram ou adiaram múltiplos eventos esportivos devido à epidemia.

Sérgio Siverly
O menino que ficava em frente da TV com um prato fingindo ser um piloto de F1 nos anos 1990 e o cabeça de gasolina por trás do BOTECO F1.

BOTECO F1
Todos os direitos reservados
2020