Horner fala sobre ponto fraco da Red Bull no GP do Catar de F1
Lewis Hamilton conquistou a vitória no Catar, depois de ter vencido também no Brasil.
Por em 25/11, às 09h47
Ir para a notícia original

Lewis Hamilton conquistou a vitória no Catar, depois de ter vencido também no Brasil. Nas duas corridas ficou claro que a Red Bull estava lutando para acompanhar a Mercedes. Christian Horner diz que sabe o motivo, pelo menos no Catar.

Em uma entrevista à Autosport, o chefe da equipe Red Bull foi questionado sobre a diferença entre a Mercedes e a Red Bull no Catar. “Acho que há uma curva que nos distinguiu durante todo o fim de semana, e foi a curva seis”, disse Horner. “De sexta a domingo, perdemos dois décimos nessa curva em cada volta e penso que é uma das coisas que precisamos começar a compreender e a melhorar.”

A equipe de Milton Keynes espera resolver o problema antes da Arábia Saudita, o próximo GP da temporada. Depois do GP do Catar, Verstappen tem apenas oito pontos de vantagem sobre Hamilton. Uma vitória do britânico combinada com a volta mais rápida, e Verstappen na segunda colocação significaria um empate na pontuação, antes da última corrida em Abu Dhabi.

Com as longas retas no circuito das ruas de Jeddah, a Mercedes também parece destinada a se destacar e Horner reconhece isso. “O próximo circuito deve ser a favor da Mercedes. Em Abu Dhabi, com as modificações que foram feitas lá, ninguém sabe.”

Aconteça o que acontecer na Arábia Saudita, a luta pelo título está mais emocionante do que nunca. “Entramos nessas corridas finais com uma vantagem de oito pontos no campeonato de pilotos e reduzimos a liderança no campeonato de construtores para cinco. Ainda estamos na disputa nos dois campeonatos”, acrescentou.

 

 


 

 

 


BOTECO F1
Todos os direitos reservados
2021