Ricciardo fala sobre economia forçada de combustível no GP do Catar de F1
A última rodada tripla na F1 não foi exatamente um sucesso para Daniel Ricciardo.
Por em 24/11, às 11h30
Ir para a notícia original

A última rodada tripla na F1 não foi exatamente um sucesso para Daniel Ricciardo. O australiano somou zero pontos em três corridas. No Grande Prêmio do Catar, ele terminou em décimo segundo, mas Ricciardo explica o que estava acontecendo.

“Na economia de combustível, foi aí que perdi. Tivemos algumas coisas acontecendo. Já na primeira volta, eu tinha alguns avisos de combustível no painel que você não tem normalmente na primeira volta, então ignorei porque achei tudo bem, é só um erro no painel”, disse Ricciardo no site oficial da F1.

“Mas então, bem cedo, me disseram que eu precisava começar seriamente a economizar combustível. Eu economizei bastante, como o que já pensava ser demais, e me disseram que não era suficiente, e já estávamos provavelmente indo dois segundos mais devagar por volta. E com isso, os pneus ficam frios, os freios ficam frios, então você perde ainda mais no final das contas”, disse ele.

Várias vezes durante a corrida, Ricciardo se perguntou se não deveria abandonar. A equipe precisa entender melhor o que está acontecendo, mas, por enquanto, o australiano está se concentrando no GP da Arábia Saudita.

“A economia de combustível nunca pareceu ser suficiente. Então me disseram para não economizar mais combustível e fui pressionando como um louco..(risos). Não sei por que sempre dou risada, não é minha intenção rir. Foi ruim e obviamente algo deu errado nos dados ou cálculos. Então é isso que precisamos analisar, mas vamos seguir em frente”, concluiu.

 

 


 

 

 


BOTECO F1
Todos os direitos reservados
2021